terça-feira, 5 de outubro de 2010

Frequentadores fazem manifestações no Parque da Água Branca, participe você também!

Todo sábado às 10:00h, acontece um encontro para atualizar as ações, troca de informações e manifestação. Como a sede da ASSAMAPAB está em reformas, o ponto de encontro é na feira de produtos orgânicos.


Nos sábados 25 de setembro e 2 de outubro, dezenas de frequentadores manifestaram publicamente suas opiniões com relação às obras, falta de cuidado com os animais, corte irregulares de árvores e propostas que descaracterizam o parque.
  

 



No dia 23, com uma grande faixa preta escrito "SOS PARQUE DA ÁGUA BRANCA", passearam pelo parque chamando atenção do frequentadores para os problemas que estão ocorrendo por detrás das obras. A faixa foi fixada no tapume ao lado de uma das nascentes do parque, que faz parte do Bosque das Palmeiras, onde uma grande intervenção - obra mal planejada - está colocando em risco a mata e as nascentes que lá existem.





Já no dia 2, com cartazetes no peito e nas costas, passearam pelo parque conversando com os demais, procurando conscientizar aqueles que ainda não sabem dos detalhes das obras. Todos que pararam para conversar, manifestaram-se solidários ao Movimento em Defesa do Parque da Água Branca.






Observações na caminhada

Com as obras nas alamedas, infelizmente não é dificil encontrar locais que oferecem riscos, principalmente às crianças, como na foto abaixo,  onde há um buraco com proteção inadequada.




Outra coisa que chamou bastante atenção foi uma caçamba cheia de livros antigos, do Instituto de Pesca. Livros que estão sendo descartados, mas que, com certeza, serviriam em outros locais. Dando uma olhada e encontramos livros de zootecnia e dicionários.





Raridade - Na caçamba encontramos este exemplar ilustrado de zootecnia, com mais de 1.000 páginas e datado de 1903, editado pelo Smithsonian Institute.





Pudemos observar também várias mudas secas, provavelmente árvores de replantio e arbustos recém plantados, parte do "novo paisagismo" proposto.

Mudas de árvores, mortas. 

Mudas de árvores, mortas.Detalhe
Arbustos secos